Acusado de embebedar e estuprar adolescente de 12 anos é solto pela Justiça

28

Um homem de 23 anos acusado de abusar sexualmente de uma adolescente de 12 anos, em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, responderá em liberdade. A Justiça considerou não haver elementos suficientes para manter o homem preso.

Na decisão, de acordo com o Dourados News, o despacho de sexta-feira (26) aponta que a jovem se retratou da acusação de estupro coletivo. Ela disse durante atendimento com psicóloga, ter sido beijada e apalpada por um dos jovens.

No entender da justiça, após a versão repassada pela vítima e uma falha de sistema que não encaminhou a denúncia, os elementos se tornaram frágeis para manter o homem preso. Além do rapaz, medida se estendeu a outro envolvido, um adolescente de 16 anos.

No caso do maior de idade, o juiz impôs medidas cautelares, que vão desde comparecer a todos os atos do processo, até manter distância de pelo menos 300 metros da vítima.

O caso
Cinco homens foram detidos e levados para a delegacia na noite desta quinta-feira (7), depois de um estupro coletivo de duas irmãs de 9 e 12 anos. As meninas teriam sido embebedadas pelos suspeitos.

A polícia recebeu uma denúncia anônima de que estava acontecendo um estupro coletivo de duas irmãs, na casa de um idoso de 72 anos, e que na residência ainda estavam mais um homem de 43 anos, um rapaz de 26 anos, outro de 21 anos e um adolescente de 16 anos.