ZEKATRACA SABADO

3

Lenha na Fogueira

Vamos chamar a atenção dos colegas brincantes de quadrilhas e bois bumbás, para que acompanhe na edição deste domingo dia 14, a entrevista com o superintendente da Sejucel Jobson Bandeira.

*********

Ao ler a entrevista os folcloristas vão ficar sabendo sobre tudo que está sendo resolvido, a respeito da realização do Arraial Flor do Maracujá 2019.

***********

Chamamos a atenção dos colegas, por que muitos estão postando o que não sabem a respeito das negociações entre diretoria da Federon e Sejucel.

********

Pelo que vi, pois, já digitei a entrevista na íntegra, o negócio não é bem como estão pintando nas redes sociais. Os grupos e a Federon não vão perder nada, inclusive quem vai coordenar as apresentações dos grupos no Flor do Maracujá é a Federon. Se a Federação conseguir patrocínio o governo não quer nem saber quanto foi.

*********

Leia a entrevista do Jobson amanhã e fique esclarecido sobre a “novela”  Arraial Flor do Maracujá 2019.

**********

Barrigada, foi o que a assessoria de comunicação da Operação ‘Pau Oco” deu, ao anunciar a prisão de algumas pessoas na manhã de ontem. Como nos dias atuais os colegas jornalistas não procurar chegar os relesses que chegam em suas máquinas “mortíferas”, completaram a barrigada jogando merda no ventilador de muita gente.

**********

Não sei se os citados como presos, providenciaram algum registro judicial, que pode gerar uma boa indenização. Não quero dizer que a turma envolvida no assunto é inocente, mas, que foram prejudicadas não temos dúvida.

**********

Ontem a tarde foi concedida entrevista coletiva a imprensa, convocada por um dos que foram anunciados como preso porém creio, que mesmo ele esclarecendo que tudo não passou de um mal entendido. Sua reputação para muitos já era.

**********

Não sei se cabe, mas, o chefe do cidadão que distribuiu a matéria para os órgãos de imprensa, deveria puni-lo. Quem é o chefe do repórter que cometeu a “BARRIGADA”?

**********

Na verdade, o que aconteceu foi apenas Busca e Apreensão e não prisão da autoridade. O Assessor da Civil deve ter ficado desesperado ao ver que a matéria que ele distribuiu de manhã cedo, estava completamente errada.

************

Ta na hora de começar a me concentrar, para resguardar a voz e participar da homenagem ao meu amigo Ernesto Melo no Samba Autoral.

***********

Apesar de andar acometido de uma gripo “infeliz”, to me resguardando para estar com a voz em dia, quando  três horas da tarde chegar. Escolhi o clássico Porto Velho Meu Dengo entre as jóias do Ernesto para interpretar na tarde de hoje.

**********

Gostaria que você cantasse comigo essa b ela canção do Poeta da Cidade. Se você não conhece a letra, vamos publicá-la para que você aprenda:

**********

PORTO VELHO MEU DENGO, DESDE QUE EU ME ENTENDO, TÚ ÉS O MEU CASO DE AMOR, O TEU CÉU, O TEU SOL, O TEU AR, TEU PERFUME, TUAS MENINAS EM FLOR.

**********

O TEU VERDE É O MAIS VERDES DOS VERDES, TEU LUAR, O MAIS BELO LUAR,   QUANDO SE FAZ SERENATA TUA LUA DE PRATA É UM CONVITE PRÁ AMAR.

**********

TEU RIO, O BELO MADEIRA, ME TRAZ O ALIMENTO NA PALMA DA MÃO, TUAS MATAS GUARDANDO TUAS CAÇAS QUE ALIMENTOU A  MINHA GERAÇÃO, TEU SOLO, TEU RICO MINÉRIO, A TUA FARTURA, TEUS FRUTOS, TEUS GRÃOS,

**********

POR ISSO MEU PEITO TE ENCERRA  EU AMO ESTA TERRA COM TODA PAIXÃO, SE EU VOU CANTAR PORTO VELHO, TE JURO MEU VELHO NÃO PARO HOJE NÃO.

************

Você tem duas opção musical no dia de hoje. O Mercado das Pulgas que está funcionando  no Mercado Cultural sob o comando do Antônio  Casamenteiro e vai ter até show do Beto Cezar. Falta panenas o Casamenteiro informar quando realmente o negócio começa pra valer.

***********

Ou curtir o Samba Autoral no Bar do C alixto com a homenagem ao Aernesto Melho a partir as 15 horas deste sábado.

 

Edição 40 do Samba Autoral

Homenageia Ernesto Melo

Ernesto Melo, O Poeta da Cidade, autor de tantas lindas obras, recebe de seus amigos e amigas do Projeto Samba Autoral um Tributo pra lá de especial.
Neste sábado dia 13 de abril a partir das 15:00, no Bar do Calixto, você poderá ouvir e conhecer as canções que encantam nosso público ha  décadas.

Reconhecido co mo Mestre da Cultura Popular pelo Ministério da Cultura, Ernesto Melo ha mais de quarenta anos transita pelo  meio boemio de Porto Velho. “Tudo começou quando o Silvio em 1976, me levou para partiipar das rodas de samba e seresta do bar do Cassimiro ali na Joaquim Nabuco com a Almirante Barroso e dái pra cá não mais parei”, confessa Ernesto Melo.

Outro grande momento da vida de sambista de Ernesto Melo foram os mais de 10 anos apresentando toda sexta feira no Mercado Cultural o Projeto A Fina Flor do Samba

As letras das canções do poeta Ernesto contam a história da cidade de Porto Velho com seus bairro, becos e vielas. Favela, Caiari, Arigolândia, Triângulo, Olaria e Favela são alguns dos logradourous exaltados nas letras de Ernesto Melo.

Hoje a partir das 15 no Bar do Calixto à rua Jacy Paraná com a Brasília a moçada do samba de Porto Velho vai cantar Ernesto Melo durante a 40ª edição do Projeto Samba Autoral. A turma selecionou as melhores obras do Poeta da Cidade para apresntar ao público.

REPERTÓRIO DO SAMBA AUTORAL

Abertura (Todos) – Meu Samba Autoral (Bainha, Oscar e Baixinho);

Misteira – Porto Velho do Guaporé (Ernesto) – Clareia (Mávilo e Misteira). Makumbinha – Águas do Samba (Ernesto) – Enluarada (Mávilo/makumba/Misteira);

As Pastoras – Santa Bárbara (Ernesto);

Sílvio Santos – Porto Velho meu dengo (Ernesto), Desabrigado (Silvio Santos);

Piaba – Mercado Central (Ernesto), – Porto Velho, o porto de todos os sambas (Piaba);

Bainha – Triângulo (Ernesto); – Vamos saudar Iansã (Bainha/Oscar/Baixinho). Toninho Tavernard – Canto Novo (Ernesto);

Bárbara – Que bom (Ernesto);

Hudson Mamedes – Arigolândia (Ernesto);

Beto de Sá) – O Samba (Ernesto); Cidadão (Mávilo e Beto de Sá);

Rafael – Favela (Ernesto);

Erika – Mocambo (Ernesto).

 

Coral Barak, do MIR, fará apresentação no domingo de Páscoa

O Ministério da Restauração (MIR) realizará cantata de Páscoa “Por Você’, com o coral Barak, no dia 21/4, a partir das 18 horas. Serão oito atos. A congregação fica na rua Elias Gorayeb, subesquina com D.Pedro II. O evento é aberto à população.

De acordo com a professora Sandra Garcia, regente do coral, será uma cantata com representação teatral, tendo dois personagens principais. O coral existe desde 2006 e é composto por 70 pessoas, entre crianças e adultos.

Sandra Garcia trabalha com música desde 1991 – já foi regente do coral da Unir e da Escola de Música Jorge Andrade.

PROGRAMAÇÃO

Ato I – Baruk ata Adonai

Ato II – Dueto musical

Ato II – Dueto musical – O amor de Deus

Ato III – Eu vi um milagre de Jesus

Ato IV – Lázaro e suas irmãs

Ato V – A Santa Ceia

Ato VI – Lembranças de Jesus

Ruth se convence que Jesus é o Senhor

Ato VIII– Por você

Abertura

Narração: Vanessa Pereira Menezes

Ato I

Coral Adulto e Kids

Solo: Nicole Oliveira P. da Silva

Ato II

Dueto:

Ruth: Érika Germano Rosa

João: Giovanni C. Garcia Magalhães

Ato III

Coral kids

Menino do milagre dos pães e peixes:  Pedro Rebouças

Ato IV

Lázaro: Eliseu Kaleb N. R. Vargues

Marta: Sângela M. C. L. Macedo

Maria: Karen Santos Silva

Narração: Elen de O. Castelo Branco

Ato V

Maria: Jádila de Lira

Coral Adulto e Kids

Ato VI –

Coro de homens

Daniel Albuquerque Vargues

David Henrique Soares Brasil

Davy Ítalo R. da Silva

Eliseu Kaleb N. R. Vargues

Francisco Braga Rosas

Francisco Pinheiro de Souza

Francisco Réses

Giovanni C. Garcia Magalhães

Jaime Brasil da Costa

João Victor Sousa Santos

José Narciso Paulo

Leonardo Barreto da Silva

Paulo Sérgio Pariz

Raimauro da Silva Soares

Ato VII

NARRADOR  Daniel Vargues

Ruth: Érika Germano Rosa

Ato VIII

Coral adulto e kids

Narração: Gelza do N. Pariz

Participantes

Sopranos/Contraltos

Arleziany Ferreira Araújo

Andréia Maria N. R.Vargues

Beatriz P. da Silva Oliveira

Cicilourdes Correia da Silva

Elen de O. Castelo Branco

Érika Germano Rosa

Esther Kadisha N. R. Vargues

Gelza do Nascimento Pariz

Gleice C. Melo dos Santos

Ivaneide de Lira Gama Paulo

Jádila de Lira

Joselane Suelen N. Moreira

Karen Santos Silva

Ketellen Karolaine L. Souza

Liege Pinto Brasil

Maria do Socorro Moreno

Nicole Oliveira P. da Silva

Rosângela T. de Oliveira

Sandra Regina A. Lima

Sângela Mª da C. L. Macedo

Vanessa Pereira Menezes

Waldenir Bentes de Oliveira

Tenores/Baixos

Daniel Albuquerque Vargues

David Henrique Soares Brasil

Davy Ítalo R. da Silva

Eliseu Kaleb  N. R. Vargues

Francisco Braga Rosas

Francisco Pinheiro de Souza

Francisco Réses

Jaime Brasil da Costa

Giovanni C. Garcia Magalhães

João Victor Sousa Santos

José Narciso Paulo

Leonardo Barreto da Silva

Paulo Sérgio Pariz

Raimauro da Silva Soares